terça-feira, 6 de março de 2012

[Filme] 火垂るの墓 - Hotaru no haka (Túmulo dos Vagalumes)



Por indicação, assisti a esta animação, dirigida por Isao Takahata, que trata sobre o drama vivido por duas crianças no período em que o Japão é assolado, durante a Segunda Guerra Mundial.  

O enredo trata basicamente sobre as desventuras que os irmãos Seita e Setsuko enfrentam depois que ficam desamparados. Paralelamente, o espectador, vez ou outra, é surpreendido com as pequenas aventuras e descobertas infantis de Setsuko.

Há muitos pontos no filme que são contrastantes. Os dois se mantêm unidos num cenário inóspito que inspira o egoísmo e a falta de esperança. Mas nem mesmo a miséria, a fome e o desamor conseguem abalar o laço entre eles, que se mostra mais forte e duradouro do que suas próprias vidas.  

O Studio Ghibli é famoso por suas animações ricas em detalhes e sutilezas, sem mencionar as incríveis trilhas sonoras. É um filme belo, que traz à tona uma série de reflexões sobre a natureza humana quando não há condições humanas para se viver.

Por outro lado, não é daqueles filmes para se derramar lágrimas, ao menos para mim. Quem me conhece sabe que eu sou bem “manteiga derretida”, mas não foi um filme em que precisei de lencinhos. Isso, de forma alguma, tira o mérito do filme e acho que o foco nem é mesmo provocar lágrimas... Se bem que isso depende da recepção de cada um.

O filme não se concentra num grande final impactante, pois é construído com técnica de flashback. Contudo, o mais revelador é ver a grandiosidade da relação desses dois irmãos em meio à pequenez dos adultos.

AVISOSe você ainda não assistiu ao filme e não quer ser influenciado pela minha avaliação, NÃO clique!

Se por um lado senti pena, angústia, pesar, tristeza por causa da condição subumana dos dois irmãos, o filme também me inspirou raiva e indignação em relação ao ser humano em uma de suas piores facetas, representada, principalmente, na figura da tia deles, uma mulher que sutilmente vai se tornando uma criatura vil e mesquinha.

Confesso que tentei imaginar a situação pela ótica desta personagem e não encontrei justificativa plausível para sua forma de tratar as crianças a partir de certo ponto da trama. Esse filme só confirma o poder que as palavras podem exercer na vida de uma pessoa, pois creio que são mais palavras que tragédias que empurram essas duas crianças para seu triste fim.

Claro que há a guerra, há a escassez de alimentos, há a ausência dos pais, mas nada foi mais cruel do que as palavras cotidianas de humilhação desta tia que negligentemente deixou seus sobrinhos à mercê de um fatídico destino.

TEXTO: Nana

FICHA TÉCNICA

Título original: Hotaru No Haka
Lançamento: 1988 (Japão)
Gênero: Drama / Guerra / Animação
Tipo: Longa-metragem
Direção: Isao Takahata
Roteiro: Isao Takahata / Akiyuki Nosaka (romance)
Duração: 93 min
Elenco:
Tsutomu Tatsumi ……….. Seita (voz)
Ayano Shiraishi ……….. Setsuko (voz)
Yoshiko Shinohara ……… Mãe (voz)
Akemi Yamaguchi ……….. Tia (voz)

4 comentários:

  1. Esse filme é muito bom para despertar todas as pessoas preocupadas com o "STRESS" do dia a dia, reclamando da vida, mas não averiguando a facilidade que tem hoje, para conseguir seja um copo de água, um pacote de bolacha, etc...

    Por isso, tente fazer do STRESS do dia a dia uma diversão, pois é com ele que você tem o acesso para essas opções...

    Assitam o filme de drama japonês: HOTARU NO HAKA (Tumulo dos Vagalumes).

    É um ótimo filme para dar muito valor para a atualidade em que vivemos!!!

    Parte 1 = http://www.youtube.com/watch?v=LfkH5Vyr69I

    Parte 2 = http://www.youtube.com/watch?feature=endscreen&v=6MmTv8UkhxA&NR=1

    VALE MUITO A PENA PESSOAL!!
    ASSISTAM QUEM PUDER!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Ricardo Kasai! Bem-vindo ao blog e muito obrigada por seu comentário. Sobre o drama: eu o assisti alguns dias depois de ter visto a animação. Concordo com você. É, realmente, um ótimo filme!

      Excluir
  2. Respostas
    1. Realmente, é difícil imaginar, Gabriel, que alguém não goste de um filme como esse. Obrigada por sua visita e comentário!

      Excluir

コメントをありがとう! Obrigada pelo comentário!