quarta-feira, 15 de abril de 2015

[Fora da Caixa] Sherlock Holmes — Edição Definitiva — Comentada e Ilustrada ~ Vol. 01 ao 09 – Contos e Romances (Editora Zahar)


No segundo “Collection Haul” deste ano eu mostrei as duas caixas com os volumes de Sherlock Holmes publicados pela editora Zahar, mas não cheguei a mostrá-las detalhadamente. Farei isso a partir desse post. As caixas são as seguintes: Sherlock Holmes — Edição Definitiva — Comentada e Ilustrada ~ Vol. 01 ao 05 – Contos e Sherlock Holmes — Edição Definitiva — Comentada e Ilustrada ~ Vol. 06 ao 09 – Romances.
Depois de muito ler as histórias do detetive mais famoso do mundo da ficção em e-books e sites espalhados pela internet (para não mencionar cópias e livros de biblioteca), resolvi comprar nove volumes de uma coleção da Zahar lançada em 2011, mesmo já tendo a incrível coleção “The Complete Sherlock Holmes” (The Heirloom Collection). Sim! Eu compro várias edições da mesma obra, inclusive, no mesmo idioma (embora não seja esse o caso, ainda – risos).

A obra, publicada pela Zahar, reúne contos e romances protagonizados por Sherlock Holmes e é dividida em duas caixas: a primeira com cinco volumes totalizando 56 contos e a segunda com 4 romances. A coleção foi traduzida por Maria Luiza X. de A. Borges das seguintes edições norte-americanas editadas e anotadas por Leslie S. Klinger e publicadas W. W. Norton entre 2004 e 2005:

o   The New Annotated Sherlock Holmes Vol. 1: The Adventures of Sherlock Holmes and The Memoirs of Sherlock Holmes;


o   The New Annotated Sherlock Holmes Vol. 2: The Return of Sherlock Holmes, His Last Bow and The Case-Book of Sherlock Holmes;


o   The Annotated Sherlock Holmes Vol. 3: The Novels – A Study in Scarlet, The Sign of Four, The Hound of the Baskervilles, The Valley of Fear.


Originalmente os três volumes da edição norte-americana foram publicados em formato grande, capa dura e agrupados em duas caixas: a primeira contendo as histórias curtas (contos) reunidas nos volumes 1 e 2; e a segunda com o volume 3 reunindo os romances. As lombadas dos três volumes juntos formam uma imagem icônica clássica de Sherlock Holmes. Posteriormente, cada volume foi publicado separadamente, ainda formato hardcover, porém sem estojo.




Apesar de não conter em seu título, a edição norte-americana, da qual foi traduzida a coleção da Zahar, tem sido chamada de definitiva. Talvez, por isso, os volumes da edição brasileira tenham sido intitulados como “Edição Definitiva”.

“Você tem nas mãos a solução definitiva para as histórias reunidas de Sherlock Holmes.”

John Le Carré

“Esta edição comentada e ilustrada é indispensável, divertida e educativa. São livros perfeitos como introdução para os novatos no mundo de Holmes e Watson, e serão igualmente aproveitados e devorados por aqueles já iniciados.”

Neil Gaiman, premiado autor da série de HQ Sandman

Infelizmente, a edição da Zahar que vem nas caixas não tem capa dura. Há as edições “bolso de luxo” que foram publicadas para os volumes: “As Aventuras de Sherlock Holmes”, “As Memórias de Sherlock Holmes”, “Um Estudo em Vermelho” e “O Cão dos Baskerville”, que além de ser capa dura traz também as ilustrações. Mas é só. Não contém o material de apoio que vem nos volumes das caixas. E, sinceramente, entre um livro bonito e um que tem conteúdo mais amplo, eu fico com o segundo. Apesar de amar de verdade, livros de capa dura. Espero que a Zahar não invente de relançar essa coleção em formato capa dura depois de eu ter gastado mais de trezentas dilmas nessas duas caixas. Porque aí, sim, eu vou surtar.

Como eu disse antes, o diferencial dessa coleção é a riqueza do conteúdo adicional que foi preservado da edição original norte-americana: além dos milhares de notas incluídas ao longo dos volumes e das centenas ilustrações originais (incluindo as de Sidney Paget e as de Frederic Dorr Steele), os livros trazem diversos extras como: contexto em que as obras foram publicadas, biografia de Artur Conan Doyle (incluindo fotos), e registros da vida (uma espécie biografia) das personagens Sherlock Holmes e John Watson, fac-símiles de capas dos livros ou de revistas nas quais foram publicados contos de Sherlock Holmes, a imitações etc.

Traz ainda quadro cronológico traçando um paralelo entre a vida de Sherlock Holmes e a época em que ele “viveu”, isto é, os contextos históricos da época da personagem, tanto da Inglaterra, quanto do continente e do mundo, material sobre as Sociedades Sherlockianas em funcionamento, websites e recursos relacionados ao universo da obra na internet, notas para estudiosos, bibliografia selecionada, além dos diversos anexos espalhados entre as histórias nos livros.

Apesar de os livros não terem capa dura, elas são de um cartonado duplo em papel cartão supremo 250g/m2 (com orelhas enormes ao modo de “As Crônicas de Gelo e Fogo” da série publicada pela editora Leya). As folhas são de papel pólen soft 80g/m2 e as fontes usadas foram a Futura e Fairfield. As caixas são do mesmo material das capas dos livros, isto é, frágeis. As minhas vieram, inclusive, com alguns cantos rasgados e amassados, que com certeza ocorreram no transporte em função da embalagem precária. Essas lojas brasileiras não aprendem nunca! Por que não embalam corretamente os livros? Por que não entendem que as caixas dos livros também são itens colecionáveis? Desgosto maior.
Termino este post com algumas fotos da coleção da Zahar. Tem mais post e mais fotos para cada uma das caixas em breve. Até!
































~Nana~

10 comentários:

  1. Nunca li nada de Sir Arthur Conan Doyle, parece divertido. Parabéns pelas aquisições.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando puder e quiser ler, neste site https://mundosherlock.wordpress.com/ está disponibilizada na guia "Cânon-e" toda a obra do autor relacionada a Sherlock Holmes. =]

      Excluir
    2. Domo arigato, assim que eu terminar um livro de Spinosa lerei alguma coisa de Sherlock.

      Excluir
    3. Dou itashimashite. [どういたしまして。]
      Espero que aprecie a leitura!

      Excluir
  2. Olá!

    Acabei caindo nesta postagem do seu blog quando estava à procura de maiores informações sobre a coleção do Sherlock Holmes da editora Zahar.

    Aproveito o espaço para parabenizá-la pela riqueza de detalhes com que vc descreveu a coleção.

    No entanto, deixo este comentário no intuito de melhorar uma informação que vc forneceu em relação às edições bolso de luxo.

    Talvez, em 15/04/2015, quando vc fez a a postagem, apenas os livros que vc mencionou (“As Aventuras de Sherlock Holmes”, “As Memórias de Sherlock Holmes”, “Um Estudo em Vermelho” e “O Cão dos Baskerville”) estivessem disponíveis no formato bolso de luxo. Entretanto, posteriormente, todos os livros da coleção seguramente vieram a ficar disponíveis neste formato - se é que já não estavam...

    Há um box contendo os 4 romances ("Um Estudo em Vermelho", "O Signo dos Quatro", "O Cão dos Baskerville" e "O Vale do Medo") e é possível adquirir os livros de contos ("As Aventuras de Sherlock Holmes", "As Memórias de Sherlock Holmes", "A Volta de Sherlock Holmes", "O Último Adeus de Sherlock Holmes" e "Histórias de Sherlock Holmes") separadamente.

    Infelizmente, ao que parece, não há um box para os 5 livros de contos, devendo estes ser adquiridos de forma avulsa.

    Enfim, era só isso mesmo!

    Parabéns novamente!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada pelas informações adicionais referentes aos livros da coleção Sherlock Holmes no formato bolso de luxo da editora Zahar. Infelizmente, não tenho tido tempo para atualizar o blog e, naturalmente, alguns posts poderão apresentar conteúdo que necessite de revisão.
      Quando publiquei este post, a editora Zahar ainda estava publicando esses livros e só os mencionados por mim no texto da postagem estavam disponíveis no mercado. Vi, recentemente, esse box do qual fala em seu comentário. No entanto, continuo ainda sem interesse nesses livros por não conterem o material adicional que há nas edições em capa comum da mesma editora.
      Obrigada mais uma vez!

      Excluir
    2. Eu que agradeço pelo "unboxing" detalhado!

      Comecei a procurar informações sobre coletâneas do Sherlock Holmes para ver qual comprar porque, há poucos dias, na Book Friday da Amazon, havia uma coleção da editora Casa dos Livros, em capa dura, contendo a obra completa (4 romances + 56 contos), em 4 volumes, por apenas R$59,90. Então, a fim de conferir se a oferta era mesmo vantajosa, resolvi procurar outras coleções para comparar.

      Encontrei algumas outras que pareciam interessantes:

      1) Editora Zahar. Edição Definitiva — Comentada e Ilustrada. Capa mole. 9 volumes
      -CONTO: 5 volumes - Vols. 1 a 5 (BOX)
      -ROMANCES: 4 volumes - Vols. 6 a 9 (BOX)
      [É a sua coleção]

      2) Editora Zahar. Edição Bolso de Luxo. Capa dura. 9 volumes
      -CONTOS: 5 volumes (AVULSOS)
      -ROMANCES: 4 volumes (BOX)

      3) Editora Verso da História. Capa dura. 10 volumes. BOX ÚNICO!
      -ROMANCES: 4 volumes - Vols. 1, 2, 6 e 9
      -CONTOS: 6 volumes - Vols. 3, 4, 5, 7, 8, 10

      4) Editora Martin Claret. Capa dura. 2 volumes
      -ROMANCES: Volume I (AVULSO)
      -CONTOS: Volume II (AVULSO)

      Enfim, cheguei à conclusão de que a oferta na Amazon pela coleção da Casa dos Livros valia a pena. O preço estava ótimo e, por ser em capa dura - o que eu aprecio bastante -, a qualidade é excelente, tanto dos livros como da caixa.

      Comprei ela mesmo! Chegou há poucos dias e estou satisfeitíssimo com a compra! :)

      O único ponto que deixa a desejar é a ausência de ilustrações - coisa que já sabia porque vi vários "unboxings" no YouTube antes.

      Quem sabe, mais pra frente, a Zahar (ou outra editora) não lança uma coleção em capa dura com ilustrações? Aí vc surtaria, como vc mesma disse, e eu, compraria hahahaha

      Assim como vc, eu também compro várias edições da mesma obra se achar que valem a pena! Na verdade, seria interessante ter uma coleção em ordem cronológica de publicação (Casa dos Livros) e outra separada por romances e contos (Zahar).

      Sei que vc não pediu nenhuma dica, mas aí vai uma: a leitura de Sherlock Holmes também pode ser feita de uma terceira maneira. Trata-se da ordem cronológica de narração, isto é, a ordem em que as histórias acontecem. Se interessar, basta procurar na Internet que vc encontra facilmente esta ordem. Fica um pouco confuso porque tem que sair "caçando" cada história no meio dos livros. Mas é interessante para observar a variação do estilo de escrita/narração do Conan Doyle ao longo das histórias.

      Enfim, agora é aproveitar a leitura!

      Excluir
    3. Olá, Paulo CN!

      Que comentário detalhado e organizado! Adorei!

      Bom, eu já conhecia todas essas edições publicadas. Essa da "Casa dos Livros" é da Editora Nova Fronteira. Gosto bastante das caixas que essa editora lança. Uma pena somente não ter as ilustrações como você mencionou e os extras (comentários, notas etc.). Porém, acredito que você fez uma ótima escolha!

      Há muitos anos que parei de comprar edições da Martin Claret. Então, não sei muito como anda a qualidade do conteúdo. Em geral, os livros dela não estão entre as minhas opções de compra. Contudo, ultimamente, esses relançamentos de clássicos em capa dura têm me chamado bastante atenção por terem capas incríveis. Em particular, esses volumes de Sherlock Holmes, exceto pelo fato de serem volumes muito densos - o que dificulta demais manuseio para leitura. É uma edição bem caprichada: a capa, as fontes, notas, fita marcadora, as ilustrações, apêndice (apesar de ser exatamente o mesmo nos dois livros) etc. Como eu já tenho um box em inglês com ilustrações coloridas e capas bem bonitas, acho desnecessário comprar essa edição da Martin Claret apenas pelas capas.

      Sobre essa coleção da Editora Verso da História há poucas informações. Eu não lembro de ter em minha biblioteca algum livro dessa editora. Então, eu fico receosa de comprar livros de editoras, cujo trabalho não conheço.

      Infelizmente, pelas últimas edições especiais publicadas da Nova Fronteira, não sei se ela publicaria uma edição parecida como essa (em capa comum) da Editora Zahar com tanto material extra nos volumes. Acho mais provável a própria Zahar relançá-los (um dia, quem sabe...) em capa dura. Se isso acontecer, podemos esperar um preço um tanto quanto "salgado". E aí, sim, eu surtaria e pensaria em atualizar a minha coleção de Sherlock Holmes!

      Eu curto bastante essas indicações de ordem de leitura de uma determinada obra composta por vários volumes. Muito obrigada pela dica!!! Eu tinha pensando em ler começando por onde Watson e Sherlock se conheceram: "Um Estudo em Vermelho", que é também o primeiro livro da série publicado. Comecei e parei... São muitas leituras a fazer! E a vida é muito atribulada. Mas pretendo retomar tão logo seja possível.

      Abraço!

      Excluir
    4. Olá, Nana Lee!

      Obrigado pelas informações acerca das editoras. É sempre bom levar em consideração a opinião dos "feras" no assunto hahaha

      Como ainda sou novo no "ramo" dos colecionadores e aficionados por livros - comecei há pouco minha "biblioteca pessoal" -, é sempre útil ouvir os mais experientes! As dicas são valiosas e sempre bem-vindas!

      Obrigado! :)

      Excluir
  3. Oi!

    Infelizmente, ando sem tempo para atualizar o blog, mas na página (Facebook) consigo postar com mais frequência.

    Ainda continuo expandido a coleção de livros também, mas só tenho conseguido registrar as aquisições pelo Skoob mesmo.

    Caso tenha perfil por lá e se interesse:
    https://www.skoob.com.br/usuario/518873-nana

    Ou pela página do blog no Facebook:
    https://www.facebook.com/NanaNoNikkichou/

    Obrigada! Volte sempre que quiser!

    ResponderExcluir

コメントをありがとう! Obrigada pelo comentário!